HOMEM INVADE QUARTO DE ARLINDO CRUZ E COMETE CRIME CONTRA O CANTOR


O mundo realmente está de pernas pro ar. Todos sabem que #Arlindo Cruz está lutando em uma clínica contra as consequências um AVC (Acidente Vascular Cerebral) ao qual foi acometido há alguns meses. Uma legião de fãs começou a seguir a família pelas redes sociais e esperando novidades. Entretanto, um homem violou os direitos do sambista e compositor dono dos maiores sambas-enredo de sua escola de coração, o Império Serrano.

É que desde o início do ano, Arlindo está internado em um hospital e tendo progressos após o AVC, minimizando as possíveis sequelas. As notícias sobre o sambista chegam por meio da família. Mas um homem, que não pode ser chamado de fã, conseguiu revoltar a família, os fãs e ainda cometer um crime.

O invasor cometeu, dentre os crimes, o de difamação e injúria, além de violar o direito de privacidade do cantor. O homem invadiu o quarto onde o cantor está internado na Clínica São José, na Zona Sul, região nobre do Rio de Janeiro.


Invasor viola a privacidade de Arlindo Cruz, tira foto com ele e posta na internet
Por meio das imagens de segurança, a Clínica São Vicente conseguiu identificar o homem que entrou no quarto de Arlindo ainda debilitado e fez a selfie de muito mau gosto. O crime cometido pelo homem, por não superar a pena de três anos, dificilmente geraria detenção se ele for réu primário. A pena prevista para o crime, se condenado, varia de 6 a 12 meses de detenção, que normalmente é convertida em serviços comunitários ou pecúnia.

As fotos foram feitas nesta última quarta-feira, 11, e o homem que foi identificado chama-se Ivan.

Como a clínica possui um bom sistema de câmeras, foi possível identificá-lo logo ao adentrar o quarto do famoso. Ele fez o registro e ainda publicou na internet, o que revoltou os familiares que o denunciaram.

Invasor era pessoa próxima de Arlindo Cruz
Para piorar a situação e deixá-la mais revoltante, o homem que invadiu o quarto do cantor era seu massoterapeuta. O homem havia sido contratado há dois meses pela família e irá responder pelo crime em liberdade.

Segundo o delegado do caso o homem deu um depoimento cheio de contradições e não se pode concluir nada a partir do que ele disse. As imagens das câmeras são muito mais elucidativas.

Repercussão dos fãs
Ninguém, em sã consciência, aprovaria um ato como este. Muito menos os fãs de verdade do cantor. Pela internet, os comentários chegavam a ser agressivos e condenatórios. Mas houve também quem achasse muito alarde para pouco assunto.

Ivan, que fez a #foto de Arlindo Cruz no hospital, diz que tirou selfie para mãe e enviou por engano para um vizinho

Qual a sua opinião? Você acredita que a exposição foi demasiada ou o assunto cresceu mais que devia? Comente.